Select Menu

.

.

Foto Destaque

® Jornal Online SJPNews 2014 ™. Tecnologia do Blogger.
As atrações nacionais desse ano são: Banda Malta, Natiruts, Fernando e Sorocaba, Lucas Lucco e Thaeme e Thiago. A venda de ingresso começa na próxima quinta-feira (28) no Shopping São José.
(Foto: Roberto Dziura Jr./PMSJP)

Promovida pela Prefeitura de São José dos Pinhais, a tradicional Festa do Pinhão atrai visitantes da Região Metropolitana de Curitiba (RMC) e de todo o Paraná. Em sua 16ª edição, como já é tradição contará com shows de artistas nacionais, apresentação de artistas regionais, praça de alimentação, parque de diversão e exposição de artesanato.
Neste ano a Festa acontece nos dias 10, 11 e 12 julho e há três anos é realizada no Caminho do Vinho, Colônia Mergulhão, região turística de nossa Cidade, localização estratégica e que fica a poucos minutos do Centro de São José dos Pinhais.
Neste ano, Banda Malta, Natiruts, Fernando e Sorocaba, Lucas Lucco e Thaeme e Thiago irão comandar os grandes shows nacionais. Além disso, a Secretaria de Esporte e Lazer (Semel), responsável pela organização do evento, em parceria com demais Secretarias, irá preparar uma mega estrutura para receber o público, com ampla segurança a todos.
O secretário de Esporte e Lazer de São José dos Pinhais, Thiago Bührer, disse que neste ano a tradicional Festa do Pinhão deve superar a expectativa de público em relação à edição anterior, que recebeu mais de 40 mil visitantes. “Neste ano esperamos superar a média de público de 2014, pois a cada edição nós sentimos a necessidade de mais investimentos na estrutura, já que o local está sendo preparado para receber convidados de praticamente todo o Paraná”, afirma o secretário. “Esta é a maior festa da nossa Cidade e que faz parte do calendário dos grandes eventos festivos do Estado. Por isso, convidamos toda a população para este grande encontro nos dias 10, 11 e 12 de julho, no Caminho do Vinho”, concluiu Thiago Bührer.
A 16ª Festa do Pinhão 2015 será no mesmo local, na Rua Júlio Cesar Setenareski, distante 1 km do Portal de Entrada do Caminho do Vinho, na Colônia Mergulhão, em São José dos Pinhais. Os ingressos começam a ser vendidos na próxima quinta-feira (28), no Shopping São José.
Veja Fotos da Festa do Pinhão 2014

Alface orgânica (22)
Neste sábado (16) a Prefeitura de São José dos Pinhais, através da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, realizará a 3ª Conferência Municipal de Desenvolvimento Rural, na Câmara de Vereadores, das 8h às 18h. Realizado de dois em dois anos, o evento tem o objetivo de desenvolver ainda mais a área rural do Município.
Para o evento são esperados aproximadamente 100 participantes, que neste ano vão realizar discussões sobre o tema principal que será “Desenvolvendo uma Agricultura Forte e Competitiva”, e os subtemas: tecnologia e inovação, gestão de produção e o desenvolvimento sustentável.
O diretor da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, Jandir Alexandro Anghinoni, relatou algumas das medidas que foram atendidas com as Conferências anteriores. “Foi criado o Mercadão Rural, um sistema online de comercialização de produtos, além de termos disponibilizado um terreno para a construção de uma agroindústria de processamento vegetal para agregação de valor, uma estrutura anexa ao barracão do Armazém da Família para comercialização física da agricultura familiar e tecnologias para tratamento de esgoto ecologicamente correto nas propriedades”, declarou.
Além disso, uma das principais demandas atendidas para beneficiar a população rural foi o retorno das linhas diretas dos transportes rurais para a área urbana, solucionando essa necessidade dos usuários.
A Conferência tem como objetivo direcionar as funções políticas públicas, trazer as necessidades da agricultura de acordo com o que está sendo discutido pela população rural e também elencar os responsáveis – não apenas o Poder Público, ajudando nas soluções dos desafios: ouvir, falar e estimular discussões em prol do desenvolvimento rural de São José dos Pinhais.
Informações: (41) 3381-5824
Sao Jose dos Pinhais, 5 de Março de 2015 (Gabinete) - Prefeito Luiz Carlos Setim reunindo-se com os secretários Assis (Meio Ambiente) e Paulo (Recursos Materiais e Licitacoes). (Foto: Ary Portugal/PMSJP).
(Foto: Ary Portugal/PMSJP)

Em assembleia realizada na manhã de sexta-feira (15), os servidores públicos de São José dos Pinhais votaram pela suspensão da greve e aceitaram as propostas apresentadas pela Administração, através do prefeito Luiz Carlos Setim.
A assembleia, que definiu o cancelamento da greve e a aceitação das propostas da Prefeitura, foi realizada na Câmara de Vereadores, onde o funcionalismo  aprovou o reajuste de 8,34% nos salários já para o mês de maio, conforme anunciado pelo prefeito Setim.
As conquistas ainda vão além, pois a Prefeitura também está garantindo um reajuste no Auxilio Alimentação, que passa de R$ 462 para R$ 500 e anunciou que fará a Progressão Simples, iniciando os pagamentos já no mês de julho de 2015.
Com relação as demais pautas, a Prefeitura definiu com o Sindicato dos Servidores um cronograma de trabalho, que tem como prioridade a regularização das Escalas de Trabalho, do Reenquadramento e da criação do cargo de Educador Infantil no Quadro Geral de servidores do município.
Outras conquistas garantidas pela Administração para o funcionalismo público municipal são a implantação da Licença Prêmio e dos 33% de Hora Atividade para os professores da Rede Municipal de Ensino e ambos os projetos já estão no Legislativo Municipal para aprovação.

Pois bem, que nunca teve sonhos? Porém quem de fato coloca metas e corre atrás deles? Diz Alex.

Vamos conhecer um pouco mais o Alex

O Jovem Alex Purkote, nascido em São José dos Pinhais, de família humilde, hoje com 25 anos de idade e funcionário público se tornou referencia na cidade por suas ações sociais e projetos na área rural da cidade, desde muito jovem com apenas 16 anos de idade Purkote deu inicio aos seus trabalhos.

Estudou sempre em escola pública, e seu gosto em ajudar as pessoas começou mesmo no Colégio Estadual Anita Canet no ano de 2006 onde Alex foi eleito representante de turma, de formatura e deu inicio ao grêmio estudantil na época junto com seus amigos de classe. Concluiu os estudos, iniciou cursos técnicos em administração de empresas, formou-se em gestão imobiliária e filiou-se pela sua primeira vez no PSDB, indo trabalhar na Câmara Municipal de São José dos Pinhais.

A partir dai, idéias e ações do Alex começaram pela Cachoeira e não pararam mais, devido seus trabalhos e aprovação da população o jovem foi indicado aos 22 anos de idade a concorrer a candidato a vereador no ano de 2012, não eleito mais com grande votação seu esforço foi e continua sendo ainda maior a favor das pessoas.

Veja um pouco do que ele já fez, serve de referencia nos dias hoje:

Além do Papai noel solidário, o projeto leia mais através do correio, dias das mães alegre, meninos bom de bola e diversos outros.


Desde 2010 todos os anos Alex realiza o natal solidário, visita comunidades carentes com brinquedos e muita alegria a criançada. 


Alex esteve presente na posse do Prefeito da cidade de São José dos Pinhais, e através de seus conhecimentos interviu diante de melhorias em várias comunidades rurais da cidade. 

Ainda muito jovem Alex protocolou cerca de 200 oficios indicativos em prol de vários bairros de São José dos Pinhais em busca de melhorias de vias e projetos, um dos projetos mais citados pelo Alex é a criação do telefone 156 para o atendimento ao cidadão, o qual até hoje SJP não possui. 

Numa disputa acirrada nas eleições de 2012 o jovem se fortaleceu e pode avançar com seus projetos, na época fez 839 votos com uma campanha limpa e tranquila. Explicou ele ao jornal. 

Foi ainda em 2010 onde ele implantou o Correio rural volutário, levando correspondências aos moradores do interior da cidade sem cobrar nada, o projeto continua avançando e hoje atinge 500 famílias. Além do correio rural; Alex nomeou todas as ruas que não tinham nome, deu as placas nominativas e ainda numerou todas as casas cadastradas na época, além disto Alex intermediou na revitalização das ruas, e solicitou cerca de 100 pedidos de troca de lâmpadas, garantido melhorias reais aos moradores. 

Alex lançou em 2011 a campanha Adeus Poeira para a Cachoeira, e com muita luta junto a comunidade Alex ajudou a intervir e conquistar 2 km de pavimentação para a região, colocando um fim a poeira e a lama. 


O jovem ainda criou um blog na internet atualmente: www,alexpurkote.com o qual iniciou uma luta em combater a corrupção que estava acabando com a prefeitura da cidade na gestão do Prefeito Ivan Rodriguês; Foi o Purkote que teve a coragem de denunciar uma fralde de 94 milhões de reais. Dos cofres públicos na área da Saúde. 


Como comentamos já o seu maior combate foi acabar com a lama e a poeira da região da Cachoeira, uma meta cumprida perante a população. Veja como era antes. 

Em 2013 convidado a trabalhar na secretaria de obras da cidade Alex se tornou referencia em bons trabalhos e atendimento a comunidade. Tendo aprovação total do funcionalismo. 

Implantou a casa cidadã um local para as pessoas poderem revindicar e realizar impressões sem pagar nada, além disto todos podem usar a internet gratuitamente. 

Em diversos programas de rádios Alex destacou e cobrou melhorias em diversas regiões da cidade, conquistando maior espaço diante a prefeitura e aos órgãos competentes. 

Alex vem contribuindo na divulgação de eventos, bingos e está sempre presente nos eventos do interior da cidade, sendo uma referencia em ajudar os moradores. 

Com isto Alex se tornou referencia e foi parar até na Tv e jornais do Estado veja:










Tanto trabalho, gerou reconhecimento e hoje diversas mídias de comunicação inclusive o SJPNews parabenizam Alex Purkote, tão jovem mais um exemplo de amor a cidade. 


''Agradeço a produção do SJPNews pela entrevista, como já comentei, tudo o que faço é acima de tudo por quê gosto e me sinto feliz em fazer, sem dúvidas se eu tiver a oportunidade e a aprovação do povo serei um futuro politico. Pois alguém terá que nos representar''. Finaliza Alex.
Edição: Produção - Texto: Carlos
Agradecimentos RIC-TV e Paraná Online 

Sao Jose dos Pinhais, 8 de Maio de 2015 (Gabinete) - Reuniao Servidores Municipais. (Foto: Ary Portugal)
Nesta nova rodada de discussões, o prefeito Setim reafirmou compromissos assumidos pela Administração como a implantação da nova licença prêmio (Foto: Ary Portugal/PMSJP)
A administração municipal recebeu na manhã da sexta-feira (8) representantes do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sinsep) para discussão da Pauta de negociações, que além de outras questões, trata da nova licença prêmio e do reajuste salarial.
Participaram da reunião o prefeito de São José dos Pinhais, Luiz Carlos Setim, o secretário de Administração e Recursos Humanos, Pedro Padilha (em exercício) e diretores das Secretarias de Finanças, Administração e Recursos Humanos e Planejamento e Desenvolvimento Econômico, além de membros da direção do Sinsep.
Nesta nova rodada de discussões, o prefeito Setim reafirmou compromissos assumidos pela Administração como a implantação da nova licença prêmio, cujo projeto está sendo finalizado e será encaminhado ao Legislativo nos próximos dias.
Sobre a licença prêmio, o prefeito destacou que além da implantação do benefício, ele virá com grandes novidades: “Estamos propondo a implantação da nova licença prêmio que agora irá efetivamente beneficiar os servidores. Quem quiser, poderá optar entre usufruir da licença, ou receber o respectivo período após sua aposentadoria. É uma espécie de Fundo de Garantia”, disse Setim aos sindicalistas, destacando ainda que isso não constava na pauta do Sindicato.
Com relação ao reajuste salarial, o prefeito voltou a falar sobre as dificuldades que o país está atravessando. “Todos sabem que o momento econômico é muito delicado, que a inflação volta a subir, temos queda de produção, crescimento do desemprego e queda em arrecadação. Além disso, muitos governos estaduais e o próprio Governo Federal ainda não fecharam questão sobre reajustes salariais”.
Ainda sobre o aumento, o prefeito Setim disse que é com um esforço orçamentário, equilíbrio das contas e até com redução de investimentos, que a Prefeitura mantém em dia o pagamento dos vencimentos dos servidores e tem a possibilidade de oferecer o reajuste, repondo os índices da inflação do período em parcelas.
“Muitas prefeituras estão com pagamentos atrasados e são obrigadas a recorrer a empréstimos para pagamento de salários e benefícios, mas aqui estamos trabalhando com responsabilidade”, argumentou Setim.
A proposta apresentada pela Prefeitura é da reposição da inflação, com  reajuste de 8,34%, em duas vezes. A Prefeitura também está oferecendo reajuste no auxilio refeição, elevando o valor mensal de R$ 462 para R$ 500.
Nos dois últimos anos os servidores públicos municipais de São José dos Pinhais somam aumento real nos salários em 5,62% além da reposição da inflação.
O Sindicato dos Servidores deve se pronunciar já próxima semana. Quanto aos outros assuntos da pauta, todos estão sendo trabalhados pela Administração, e acompanhados pelo Sinsep.

Sao Jose dos Pinhais, 8 de Maio de 2015 (Gabinete) - Reuniao Servidores Municipais. (Foto: Ary Portugal)
Sobre a licença prêmio, o prefeito destacou que além da implantação do benefício, ele virá com grandes novidades (Foto: Ary Portugal/PMSJP)


Para o empresário Ibrahim Charchich, operadoras fazem boas promoções mas apertam nos custos para o lojista.
ADQUIRÊNCIA

A guerra das maquininhas de cartão

Com a entrada de novos players, Rede e Cielo redefinem estratégias e os serviços ficam mais competitivos

  •  
  •  
Texto publicado na edição impressa de 10 de maio de 2015

Cinco anos após a abertura do mercado de adquirência e quebra do duopólio entre Cielo e Rede, a dupla continua na liderança, mas disputa os caixas do país com concorrentes que prometem incomodar. Na guerra acirrada das maquininhas, os lojistas ganham eficiência em atendimento e tecnologia de ponta, mas continuam reféns das gigantes e a redução das taxas parece ter chego ao fim. GetNet, Elavon, Stone e a subadquirente PagSeguro, que migrou da web para o mundo físico, focam em lacunas deixadas pelas maiores e ganham aos poucos uma fatia dos gastos de R$ 1 trilhão previstos em débito e crédito para 2015.
Basta uma volta pelos estabelecimentos de uma praça central da cidade para ter um panorama do setor. A sorveteria, o mercadinho, a farmácia e a loja de equipamentos médicos se garantem com Rede e Cielo. Na loja popular e no estacionamento, a dupla divide o caixa com a curitibana Senff, que tem sua própria bandeira de crediário. A lanchonete, além das três, tem Hipercard e GetNet.
Foi em 2010, quando o Banco Central interveio e acabou com a exclusividade praticada no setor, que o cenário começou a mudar. Outros bancos, de olho no crescimento dos cartões como forma de pagamento, verticalizaram suas atividades e entraram na disputa, caso do Santander, com a GetNet, terceira do ranking; do BTG Pactual e Panamericano, que querem abocanhar 5% do mercado até 2020 com a Stone; e do Banrisul, com a Vero. Além disso, a Elavon uniu-se à Credicard e atua no país desde 2012. Recentemente, o PagSeguro entrou na concorrência, prometendo economia aos clientes.


“Junto com o credenciamento, os bancos oferecem pacote de serviços bancários às pequenas empresas, além da antecipação de recebíveis, filé mignon da rentabilidade”, diz Fabrício Winter, especialista da consultoria Boanerges & Cia.


Dono de uma loja de roupas e um estacionamento, o empresário Ibrahim Charchich diz que o serviço é eficiente e a antecipação de recebíveis, vantajosa, mas o aluguel dos equipamentos sai caro. São R$ 250 mensais em três máquinas, com taxas de aproximadamente 3,8% no crédito e 2,5% no débito. “Hoje as pessoas só utilizam cartão. Não podemos deixar de vender, então nos vemos reféns das maquininhas”, diz. Segundo ele, as operadoras fazem boas promoções e em seguida pegam pesado nos custos. “É preciso colocar uma contra a outra”. Além de Rede e Cielo, Ibrahim atendeu aos pedidos de clientes pela Senff que, com bandeira própria, vem conquistando o público de classe C e D com boas ofertas de crédito e parcelamento. Agora ele pretende avaliar o PagSeguro.
Segundo Fabrício Winter, as taxas reduziram, mas estão próximas de uma margem limite e não devem cair muito mais, bem como a locação das máquinas. “O movimento que vínhamos acompanhando mostrava uma queda no aluguel médio por máquina com a abertura de mercado e recuperação em 2012, justificada pela atualização do parque com equipamentos mais modernos”, diz.
Alerta com a perda de mercado, a Rede fez um movimento forte no último ano e já recuperou alguns pontos que havia perdido. Já a Cielo passou a focar em rentabilidade e não mais em market share, que tem clientes grandes mas margens pequenas.
DIRETO DA GAZETA DO POVO